Seguidores

Como manter um cérebro excelente!

NEURÓBICA
Conjunto de actividades físicas orientadas para a estimulação da mente e do sistema nervoso em geral tendo em vista o seu bom funcionamento e a manutenção de capacidades psicomotoras e sensoriais. Inclui exercícios físicos suaves, caminhadas, orientação espacial e temporal, activação dos sentidos e quebra de rotinas. É acompanhada por um programa de orientação nutricional e revisão do estilo de vida sempre que este se mostre adverso para a longevidade saudável do cérebro e do sistema nervoso em geral. Aconselhável a pessoas com mais de 35 anos de idade e mais ainda a todas que estejam já na meia-idade (45-55 anos) porque ajuda a atrasar o envelhecimento das funções cerebrais e psicomotoras e prevenir doenças degenerativas do sistema nervoso como certas demências, o mal de Alzheimer, etc. A neuróbica pode ser enriquecida com desportos de ginásio.

NEUROFITNESS
Programas de exercícios mentais orientados para a estimulação das funções cognitivas superiores (auto-consciência, harmonia emocional, pensamento, criatividade, reflexão, planeamento, tomada de decisões, aprendizagem, memória, inteligência, etc). Devem ser complementados com actividades de neuróbica e podem beneficiar igualmente com a prática regular de desportos de ginásio.
O neurofitness é aconselhável em todas as idades e em particular a crianças, adolescentes e adultos jovens tendo em vista revigorar as capacidades mentais e manter um alto nível de performance. Por isso é uma boa sugestão para todos aqueles que tenham profissões de alta exigência intelectual e stressantes.

MENTAL TRAINING
Programas de treino mental específicos para atletas. O mental training tem por finalidade reforçar a capacidade mental dos atletas para que estes possam manter níveis elevados de performance graças ao reforço da destreza mental orientada para a prática desportiva. Ajuda, entre outras funções, a desenvolver a tenacidade da atenção, a alta concentração, a reacção psicomotora, o controlo do stress e da ansiedade da competição. Através de exercícios apropriados permite aos atletas colocarem o cérebro em estado de prontidão competitiva, isto é, apto a coordenar o corpo, o equilíbrio e os movimentos no momento da competição.